23 de abril de 2018 Home | Conte sua história | Cadastre-se | Sobre nós | Fale Conosco | Anuncie aqui
 
 
Voltar para a home do GEx
twitterFacebook    Editorial GEx
pesquisar
 
   
 
Dicas de Treckking
 
 
Postado em 20/5/2003

Trekking: dicas básicas para iniciantes

Dica 1: comunicar-se é necessário

Se você pretende fazer roteiros afastados, longe de cidades ou algum ponto povoado, tenha em mão um telefone celular. Dependendo do lugar, ele pode estar fora da área de serviço, por isso sugerimos uma segunda opção, que é o sistema de radiocomunicação FRS (Family Radio System), que pode ser operado e comprado por qualquer pessoa em lojas especializadas. Hoje em dia é muito fácil de encontrá-los, às vezes são vendidos aos pares, ou em unidades separadas.

Dê preferência a aparelhos com alimentação à bateria comum, ou que aceite os dois tipos, trabalhando também com as recarregáveis. É que devido ao pouco uso a vida útil de uma bateria recarregável diminui e ela não custa barato. Independente da marca que você escolher, todos terão 14 canais pré-programados na memória e todos falam entre si, mesmo sendo de marcas diferentes. O alcance desse tipo de rádio pode variar de 1 a 3 km dependendo do tipo de relevo do local.

Existem aparelhos resistentes à água (pode molhar superficialmente, como uma chuva por exemplo), e ao choque com cantos emborrachados, que são os mais indicados para o trekking.

Como usar?

Não é necessário, que alguém fique com outro rádio acompanhando você, mas sim deixá-lo sempre ligado e avisar em qual canal você vai utilizar. Antes de começar seu trekking, sempre deixe uma ou mais pessoas avisadas para onde está indo, e o canal utilizado, assim em caso de emergência, as autoridades competentes terão mais facilidade em socorrê-lo, pois sabendo o canal que você estará utilizando, o contato é imediato.Mesmo com uma distância limitada, 3 km à pé é bastante coisa. Nunca faça caminhadas sozinho, mesmo que você conheça o local.

Dica 2: Alimentação Leve e Calórica

Mesmo que você saiba que sua caminhada não vai demorar muito, leve alguma coisa para comer, Dê preferência a alimentos com grande quantidade de proteínas e calorias, como barra de cereais, sticks de carne, chocolate ou mesmo um sanduíche feito por você, desde que bem acondicionado (filme plástico e papel alumínio são perfeitos).

Não se esqueça de uma bebida isotônica, ela repõe os sais minerais eliminados pelo suor. Na falta dela, use ÁGUA, nunca leve refrigerante ou sucos.

Obs.: Cuide da natureza, nunca deixe seu lixo na caminhada, guarde-o em sua mochila e jogue em lugar apropriado na sua volta.

Dica 3: Apetrechos Gerais

Dependendo da trilha onde se vai caminhar, é interessante levar alguns apetrechos básicos, mas lembre-se de uma coisa: você não está indo para uma guerra. Leve apenas aquilo que lhe for necessário, e se possível, divida os equipamentos com seus companheiros de trilha de modo que fiquem com um peso equivalente. Lista de coisas que podem (ou não) ser úteis em um trekking de curta, média ou longa distância:

  • Lanterna Pequena (2 pilhas no máximo)
  • Canivete Multifuncional
  • Faca ou Facão (em caso de trilhas em matas fechadas)
  • Bússola ou GPS (só leve se você souber utilizá-los)
  • Muda de Roupa condizente com o clima do local
  • Chapéu ou Boné
  • Óculos de Sol (com cordinha de segurança)
  • Relógio de Pulso
  • Protetor Solar
  • Repelente de Insetos
  • Estojo de Primeiros Socorros
  • Isqueiro ou Fósforos
  • Embalagem Plástica de lixo pequena
  • Capa de Chuva leve e dobrável

Dicas elaboradas por Luciano Pires e Christian Matsuy

Links de interesse

O Everest por Luciano Pires
Canal de Tecnologia

 


Especiais GEx

Especiais GEx

 
   
 
© 2018 Global Exchange. Todos os direitos reservados.