6 de agosto de 2020 Home | Conte sua história | Cadastre-se | Sobre nós | Fale Conosco | Anuncie aqui
 
 
Voltar para a home do GEx
twitterFacebook    Editorial GEx
pesquisar
 
   
 
Sustainable Cities
 
 
Postado em 22/10/2003

Recursos naturais - A geografia abraçando a História

Durante anos o homem vem utilizando os recursos naturais, acreditando que a abundância dos mesmos, permite a exploração livre e irrestrita destes bens, disponibilizados gratuitamente pela natureza.

Existem recursos que são mais viáveis de serem explorados/utilizados e portanto a sua exaustão ocorre muito mais rapidamente, quer pelo seu uso intenso, quer pela sua importância. Neste campo podemos mencionar recursos como a água, o petróleo entre outros tantos recursos minerais amplamente utilizados na construção civil.

No Brasil, por mais de 500 anos, desde a nossa colonização, o homem usou e abusou dos recursos abundantes no nosso vasto território. A História aqui desprezou a Geografia e consumiu de forma indiscriminada e desigual todos os recursos, que ao invés, poderia ter proporcionado uma nação rica, desenvolvida, com renda bem distribuída, enfim, uma sociedade tropical sustentável.

Nossas maiores bacias hidrográficas hoje são categorizadas juntamente com os grandes centros metropolitanos de ÁREAS CRÍTICAS DE POLUIÇÃO. A Amazônia além de ser internacionalmente conhecida pela sua exuberância e biodiversidade, também é mundialmente conhecida pela sua devastação, consumo e utilização desordenada. Além disso,de maneira vergonhosa também é conhecida por nela terem sucumbido líderes como Chico Mendes -brasileiro, ambientalista, extrativista e Peter Blake - neozelandês, ambientalista, iatista. O ar que respiramos, principalmente nas regiões metropolitanas é incrivelmente VÍSIVEL e causador de inúmeras doenças respiratórias.

O país verde amarelo azul de anil, que deveria refletir a exuberância das florestas, a riqueza dos recursos, o céu límpido e transparente e incrivelmente pacífico, não é o que gostaríamos que fosse.

Há exatamente 30 anos porém, o setor industrial deu sinais que seria necessário promover ações social e ambientalmente responsáveis principalmente por parte dos empreendedores que movimentam a economia agora globalizada. A partir de então, vários acordos e protocolos foram estabelecidos, de forma a resgatar a displicência com que tratamos a natureza.

Os princípios da atuação responsável, estabelecido pelas empresas do setor químico, a ISO 14000 que define um sistema de gestão ambiental promovendo a melhoria contínua do meio ambiente e mais recentemente o protocolo de Kyoto, que estabelece mecanismos para minimizar os efeitos das mudanças climáticas e que foi recentemente regulamentado na Sétima Conferência das Partes em Marrakesh, Marrocos, parecem indicar que o homem percebe a necessidade de praticar a cidadania para contribuir com a sua própria preservação.

Os princípios, cartas, agendas estão estabelecidos e podem contribuir significativamente para uma melhoria sócio ambiental mais sustentável.

Temos aí o desafio: É hora da Geografia abraçar a História e revertermos esta tragédia de devastação dos nossos recursos, inclusive os morais!

"Guiado pela estrela Solitária,
além do maior porto,
Eu encontrarei os céus justos e livres,
e praias no Mar Iluminado pelas Estrelas.
Barco, meu barco! Eu busco o Oeste,
e os campos e as montanhas sempre abençoadas.
Adeus a Terra-Média, finalmente.
Eu vejo a Estrela sobre meu mastro!

Trecho de "Ultima Canção de Bilbo", de J.R.R.Tolkien, declamado por Sarah Jane Blake,18 anos, no enterro do pai, Peter Blake...

*Conceito original de Ricardo Arnt, jornalista da Revista Exame.


Eugenio Singer
singer@globalexchange.com.br

Eugenio Singer é empresário e engenheiro ambiental e escreverá periodicamente para o Global Exchange sobre ecologia e desenvolvimento de cidades sustentáveis.

Artigos relacionados

Você faz a diferença!
O seu impacto sobre as mudanças climáticas
Boulevard Social: A nova face das cidades sustentáveis

Links de interesse

Instituto Pharos - Em Defesa do Oceano

 

Especiais GEx
Dinheiro e sonhos

Dinheiro e sonhos
Previdência Privada

Carreira e Sucesso

Carreira e Sucesso
Empreendedoras em atendimento

Sustainable Cities

Sustainable Cities
Você faz a diferença!

Sustainable Cities

Sustainable Cities
Onde e Como Vivemos

Especiais GEx

 
   
 
© 2020 Global Exchange. Todos os direitos reservados.